A crise econômica geral do capitalismo, iniciada em 2008, resultou na deslegitimação do liberalismo e da social-democracia. No terreno da política, correntes autoritárias, incluindo os neofascistas, voltaram ao cenário. Nesse sentido, este campo de pesquisa se propõe a estudar o atual estágio da democracia e participação política, bem como o avanço do autoritarismo e fascismo no mundo contemporâneo.


Observatório de Geopolítica

O que importa nesse momento é atentar para o fato de que, não raras vezes, verdadeiros golpes de Estado ocorrem “dentro da Constituição” para depois se voltarem contra ela e, por fim eliminá-la do cenário jurídico e político nacional.


Caderno de Estudo traz reflexões imprescindíveis para o debate sobre o papel dos BRICS, a geopolítica, às crises econômica, política, social e ambiental e os desafios das organizações populares diante deste cenário.


Observatório da Defesa e Soberania

Qual o significado do termo “soberania” e qual o entendimento sobre “soberania popular”? Como o Brasil compreende sua soberania e como ela está ameaçada pelo governo Bolsonaro? Diante da trágica retomada da ofensiva imperialista e da farsa do Estado que se levanta contra a Nação, o debate sobre soberania é uma condição fundamental para um projeto de país.


O principal objetivo do Partido Militar são as reivindicações da corporação. Assim, o poder do partido é mensurado pelo número de cargos que ocupa na administração pública e pelas conquistas que oferece às suas bases militares. A lógica de formação do Partido Militar parte do entendimento que a sociedade e suas representações são ineficientes para representar os ‘reais’ interesses nacionais.